NOTÍCIAS

O que mudou no pacote Adobe 2019?

O que mudou no pacote Adobe 2019?
11 de janeiro de 2019 • 11h05 • atualizada 11 de janeiro de 2019

O ano de 2018 trouxe novidades para o universo do design, e muitas concentram-se, em especial, nas novas funções e ferramentas que agora são oferecidas pelos softwares do Pacote Adobe. A família de programas, mundialmente utilizada para lidar com os mais variados tipos de projetos gráficos e audiovisuais, não só sofreu alterações como também viu uma de suas plataformas ser reformulada e novos softwares serem adicionados. Aqui, listamos as principais mudanças do CC 2019 para que você fique atualizado e não seja pego de surpresa ao iniciar seu próximo projeto. Confira!

Adobe Photoshop CC 2019

Entre as mudanças do editor de imagens da Adobe, estão alguns itens extremamente simples, porém, fundamentais para tornar a experiência do usuário ainda mais intuitiva. A função do atalho ctrl+z, responsável por desfazer as últimas ações em sistemas Windows, tornou-se agora infinita, e o usuário pode desfazer quantas ações julgar necessário. Outra mudança interessante é que a ferramenta Transformar irá manter as proporções das imagens e formas por padrão, sem distorcê-las. Além disso, também foi adicionada uma nova ferramenta, a Frame Tool, capaz de otimizar tempo ao criar máscaras no Photoshop.

Algumas funções também foram melhoradas na versão 2019 do software. É o caso da Content-Aware Fill, conhecida como Preenchimento sensível ao conteúdo em português. A opção permitia deletar grandes objetos das imagens, mesclando o fundo automaticamente. Agora a feature traz melhorias com sua  inteligência artificial, permitindo aplicar a função em uma área específica e corrigir os pixels que possam estar fora do contexto.

Entretanto, uma das mudanças em especial foi considerada uma revolução para o software pela própria Adobe. Agora o programa tornou-se compatível com iPads, permitindo que o usuário edite seus projetos no dispositivo sem perder a qualidade dos elementos.

Adobe Indesign CC 2019

Seguindo a linha dos softwares Photoshop e Illustrator, o programa da Adobe voltado para a editoração também ganhou seu Properties Panel, um pequeno painel fixo responsável por reunir informações sobre o objeto que está selecionado e que também permite acessar alguns comandos usados com certa frequência. Outra mudança que pode ser extremamente positiva para os usuários é o Adjust Layout. Agora, caso exista alguma alteração em relação aos blocos da página - tamanho, colunas ou sangria - é possível formatá-las ou ajustar seu layout de maneira ainda mais fácil e intuitiva.

Outro recurso muito interessante para os usuários habituados ao design de grandes manchas textuais é a possibilidade de limitar os espaços antes e depois dos parágrafos configurados para um mesmo estilo. As ferramentas relacionadas às footnotes e endnotes também sofreram novas melhorias, assim como aconteceu na versão do ano passado. Agora é possível adicionar este tipo de formatação de texto em tabelas também.

Um item que foi extremamente elogiado é a nova visualização para a biblioteca de fontes do programa. Agora é possível classificá-las mais facilmente. Outra grande mudança é que o software também tornou-se compatível com as fontes OpenType SVG - uma tipografia ainda recente, porém cheia de novas cores, formatos e texturas.

Adobe Illustrator CC 2019

Um dos destaques das mudanças feitas nesse programa da Adobe são os novos recursos de mesclagem de cores, capazes de permitir a criação manual de gradientes fotorrealistas e que, consequentemente, conferem um visual mais natural ao projeto. Além disso, um novo comando traz mais praticidade ao usuário e permite que objetos e textos similares sejam editados em mais de uma prancheta ao mesmo tempo, com um único clique.

Outra mudança interessante é que o software agora permite a ampliação do zoom com mais rapidez. Quando o modo Contorno estiver ativado, o usuário terá maior facilidade para acompanhar as reduções e aumentos da tela gradualmente. Há também um novo recurso que proporciona a opção de recorte sensível ao conteúdo, ferramenta que utiliza o aprendizado da máquina e sugere recortes para o seu projeto.

Por fim, existem também algumas reformulações pautadas na visualização das pranchetas. Agora é possível ver a aparência dos designs sem guias, grades ou elementos que, por acaso, estejam ultrapassando os seus limites. Também é possível visualizar os projetos em tamanho real ao configurar a sua exibição para 100%.

Premiere Pro CC 2019

Também alvo de mudanças, o principal software para a edição de vídeos da Adobe ganhou modificações interessantes. O programa traz soluções para o suporte de vídeos de realidade virtual em 180°, permitindo a recepção e otimização de efeitos. Há também uma série de novas ferramentas, entre as quais estão DeNoise e DeReverb, instrumentos capazes de limpar o áudio de maneira instantânea e simples.

As mudanças também valem para as cores, uma vez que o software apresenta novas features para o seu ajuste e ainda permite a gradação seletiva dos tons. O gerenciamento de exibição de tonalidades é outra novidade interessante, já que a ferramenta possibilita a migração de projetos entre os softwares da Adobe sem alterar a fidelidade das colorações.

No entanto, uma das maiores mudanças foi, sem dúvidas, o lançamento do Premiere Rush 2019, um novo software da família Adobe Creative Clouds. O aplicativo permite filmar, editar e publicar vídeos em diversos tipos de dispositivos. Além da praticidade e simplicidade, o novo programa também permite compartilhar os projetos com o Premiere Pro, caso você perceba a necessidade de utilizar mais recursos em sua edição.

Adobe Fonts

Em sua versão 2019, o Adobe Typekit foi rebatizado. O programa agora recebe o nome de Adobe Fonts. Entre as mudanças, uma delas chamou a atenção dos usuários: não há mais limites para a ativação de fontes no serviço e agora todas as suas 14 mil fontes estão disponíveis gratuitamente. Outra característica interessante é que as tipografias não estão mais divididas entre web fonts e desktop fonts. Todas estão disponibilizadas para serem utilizadas em ambas as situações.

Photoshop & Premiere Elements 2019

Considerados mais acessíveis pela Adobe, esses programas são plataformas focadas na edição de fotografias e vídeos para o “usuário comum”. As principais atualizações em ambos os softwares foram realizadas com o objetivo de simplificar ainda mais o processo para a criação de projetos, permitindo que o usuário também descubra novas ferramentas e se familiarize com suas funções. Há também uma nova tela inicial, espaço no qual são reunidas informações não apenas sobre as novidades do programa, mas também ideias para se inspirar e sugestões de tutoriais para testar.

As melhorias e novas ferramentas do pacote Adobe demonstram que a empresa vem trazendo mudanças pautadas em quem realmente importa: o usuário. Tais ferramentas são capazes de impactar diretamente na produção de projetos, aproximando ainda mais os softwares de quem os utiliza. Bacana, né? E se você curte tecnologia, aproveite a visita ao nosso blog e confira também:

5 designers que fizeram história

O que é motion design?

4 linguagens de programação para aprender em 2019

Venha para a SOS!

Confie em quem entende de tecnologia! Transforme a sua paixão em carreira com a S.O.S.! Aqui, você encontra os melhores cursos e fica preparado para os desafios do mercado de trabalho. Cadastre-se no nosso site e receba um desconto especial na matrícula.

COMENTÁRIOS
Seja o primeiro a deixar um comentário
O que mudou no pacote Adobe 2019?
ESCOLAS
Busque a escola pertinho de você
©S.O.S. Todos os direitos reservados.
Avenida Bady Bassit, 4960 São José do Rio Preto - SP
Move Edu
Move Edu