NOTÍCIAS

PROGRAMAÇÃO: as principais linguagens para aprender em 2018

PROGRAMAÇÃO: as principais linguagens para aprender em 2018
13 de março de 2018 • 15h41 • atualizada 13 de março de 2018

A programação é uma das áreas que mais crescem no mundo atualmente. A demanda por profissionais capacitados só aumenta e as possibilidades continuam a se multiplicar. E para conseguir aproveitar os bons tempos na área, o profissional de tecnologia precisa estar muito bem capacitado. Pensando nisso, preparamos uma lista com as linguagens de programação que mais vão influenciar sua contratação em 2018. Vamos lá!

Python

Diferentemente da maior parte das linguagens de programação, Python é muito mais amigável para quem está aprendendo a programar. A legibilidade dos códigos permite um aprendizado muito mais fluido, que pode ser facilmente transportado para outras linguagens de programação. Mas as vantagens do Python não param por aí: as áreas de Inteligência Artifical e Machine Learning fazem grande uso dessa linguagem, o que a torna essencial para quem deseja trabalhar com isso.

Linguagem C

Criada por Dennis Ritchie em 1972, a linguagem C é utilizada em praticamente todos os sistemas operacionais. Ela é estruturada, facilmente transportada e possui um grande suporte. Essa versatilidade tem uma importância gigantesca para quem deseja entrar no mercado de trabalho, já que sua presença é notada até mesmo nos sistemas de integração mais simples.

C++

Essa linguagem, baseada em C, ganhou o mundo da programação nas décadas de 80 e 90, quando Bjarne Stroustrup decidiu criar algo com recursos mais robustos. O resultado foi uma tecnologia capaz de resolver problemas complexos e que integra grande parte dos softwares que usamos diariamente, como editores de texto, editores de vídeo e até mesmo jogos!

C#

A famosa linguagem “C Sharp” foi desenvolvida e lançada pela Microsoft em 2002, e faz parte da plataforma .NET, utilizada por diversos produtos da empresa. A sintaxe C# é baseada em várias linguagens diferentes, como C++ e Java, facilitando bastante sua adaptação. Ela pode ser usada em uma imensa variedade de produtos, que vão desde a infraestrutura de um site até o código base para um software de uso específico.

Java

Criada por engenheiros da Sun Microsystems, a linguagem Java ganhou espaço em praticamente todos os dispositivos eletrônicos que usamos atualmente. Sua portabilidade para diversos sistemas, seus recursos de rede e a sintaxe parecida com a família de linguagens C fazem com que ela seja bastante difundida no mercado e seja praticamente um pré-requisito para quem deseja trabalhar com mobile.

E aí, já sabe por qual delas vai começar? Bons estudos!

Venha para a SOS!

Quer se especializar na área de programação e não sabe por onde começar? Conheça os cursos da SOS e esteja pronto para os desafios do mercado de trabalho. Cadastre-se e receba um desconto especial na matrícula!

COMENTÁRIOS
Seja o primeiro a deixar um comentário
Programação: as principais linguagens para aprender em 2018
ESCOLAS
Busque a escola pertinho de você
©S.O.S. Todos os direitos reservados.
Avenida Bady Bassit, 4960 São José do Rio Preto - SP   |   (17) 3214-8699
Move Edu
Move Edu