BLOG

Como reagir a um feedback

Como reagir a um feedback
19 de dezembro de 2017 • 10h38 • atualizada 19 de dezembro de 2017

O feedback é uma grande oportunidade para entender melhor quais são seus pontos mais fracos e mais fortes, e assim traçar um plano de evolução. Um profissional freelancer, por exemplo, é alguém que deve aproveitar muito bem os benefícios dessa ferramenta e procurar sempre descobrir mais sobre seus erros e acertos, mas isso não se restringe somente a essa categoria.

Não há carreira longa o suficiente para que o feedback deixe de ser valioso. Os profissionais nunca serão perfeitos e todos nós devemos sempre procurar evoluir, adaptando-se da melhor forma às exigências do mercado de trabalho. Com isso em mente, vamos te dar algumas dicas sobre esse assunto para que você tire o melhor proveito dessa poderosa ferramenta. Vamos lá!

Como receber um feedback?

O feedback no mercado de trabalho pode vir de diversas formas, de várias pessoas e a qualquer momento. Um cliente, por exemplo, pode te mandar um e-mail falando sobre um projeto já concluído, enquanto um colega de trabalho pode comentar algo rapidamente durante a pausa para o café. Portanto, é preciso estar sempre aberto a receber esse tipo de informação.

Mas você não precisa esperar alguém vir falar com você espontaneamente, e não há nada de errado em pedir opiniões sobre uma tarefa que você desempenhou. Isso é visto com bons olhos pelas pessoas na maior parte das situações por ser um sinal de proatividade e disposição, além de oferecer a oportunidade de pessoas mais tímidas a contribuírem com o seu desenvolvimento.

Lembre-se que as críticas não são ataques pessoais e sim uma avaliação acerca do trabalho desempenhado. Procure entender os porquês por trás das críticas e elogios. Apenas ouvir que certas coisas foram ruins ou boas pode não ajudar muito se você não souber como melhorar.

Como lidar com feedback negativo?

Receber uma crítica pode não ser muito fácil e é preciso bastante humildade e compreensão para conseguirmos retirar o melhor dessas conversas. Você sabe quais são suas habilidades e o seu nível de comprometimento, e precisa ser honesto consigo mesmo quando for confrontado com pontos negativos. Pergunte-se se você está dando o seu melhor, se precisa ampliar seus conhecimentos e qual o caminho a ser seguido para alcançar isso.

Depois de entender onde estão os principais problemas, você precisará mostrar que está disposto a melhorar e que irá trabalhar para que isso aconteça. Lembre-se de ressaltar a importância da informação que essas pessoas te passaram, sejam elas chefes, colegas de trabalho ou até clientes. O feedback é uma ferramenta poderosa e deve ser encorajado mesmo em momentos “negativos”.

Como agradecer feedback positivo?

Não há quem não fique feliz com alguns elogios no trabalho não é mesmo? Ouvir “ótimo trabalho” de um chefe em plena segunda-feira é de alegrar a semana toda. Portanto, não tenha medo de expressar isso. Além de encorajar essa prática tão valiosa de troca de informações, você ainda devolverá um pouquinho da felicidade que está sentindo a quem te elogiou.

Se você quiser também pode relembrar a pessoa que há uma via livre para que pontos negativos também venham à tona. E não fique cego pelos elogios, afinal há sempre espaço para melhorar, mesmo entre os profissionais mais capacitados.

Boa sorte e use os feedbacks com sabedoria e humildade, a sua carreira vai se beneficiar deles!

Venha para a SOS!

Quer sair da zona de conforto, buscar novas chances e ter uma carreira de sucesso? Então confira o curso de Evolução Pessoal da SOS e desenvolva criatividade, raciocínio lógico, conhecimento e dinamismo no mercado de trabalho.

COMENTÁRIOS
Seja o primeiro a deixar um comentário
Como reagir a um feedback
ESCOLAS
Busque a escola pertinho de você
©S.O.S. Todos os direitos reservados.
Avenida Bady Bassit, 4960 São José do Rio Preto - SP
Move Edu
Move Edu